10 maneiras de como aprender mais rápido e melhor em 2018
Vote neste post

Todo mundo já passou por aquele momento em que sua vida se resume em correr atrás do relógio e cumprir o máximo de tarefas possíveis, não é mesmo? Nessas horas encontrar um tempinho extra para se dedicar a estudar algo novo acaba ficando em segundo plano. Para essas pessoas que possuem uma rotina maçante, a solução é encontrar um meio de como aprender mais rápido e melhor, administrando melhor o seu tempo.

como aprender mais rápido e melhor 1
Hoje em dia, sempre estamos tentando encontrar um tempinho extra para se dedicar a estudar algo novo. Por isso, precisamos descobrir como aprender mais rápido que o normal.

A boa notícia é que há várias formas de fazer isso, no entanto, para colocá-las em prática é primordial que você passe a adquirir o hábito de estudar, e preferencialmente todos os dias! Mas como você pode desenvolver o hábito de estudar? Um hábito de estudo eficaz possui três estágios, a deixa, a rotina e a recompensa:

– A deixa é algum tipo de estímulo que faz com que seu cérebro entre no automático. Logo antes de começar os seus estudos você irá fazer uma ação que seja capaz de informar o seu cérebro para o hábito de entrar em ação. É essa atividade diária que irá disparar seu hábito de estudo. Exemplo: escute uma música, medite, tome um banho antes de começar a estudar.

– A rotina: é a ação que você executa repetidamente e esta ação pode ser física, mental ou emocional. Uma rotina perfeita deve funcionar quase como um ritual que você executa corretamente todos os dias. Primeiro você precisa identificar como estão seus horários e atividades, e assim escolher um horário específico para estudar, bem como seu local de estudo. Quando o seu cérebro percebe que você está executando uma mesma tarefa em um local seguro, reforça o hábito.

– A recompensa: nada mais é que a ação de você se premiar por ter executado uma tarefa até o fim, aqui nesse caso o de aprender alguma coisa. O que você vai fazer é manipular sua própria recompensa, de forma que seu cérebro acredite ser um hábito que vale a pena ser guardado e para entrar em ação todos os dias. Você decidirá que recompensa irá receber logo após seus estudos, portanto considere escolher algo que goste muito, como ver um filme, comer um bombom por exemplo. Ao aproveitar sua recompensa, sinta a alegria de terminar sua meta diária. Quanto mais emocional for sua recompensa, melhor se fixará seu hábito.

Agora que você já sabe como incorporar o hábito de estudar na sua rotina é hora de aprender dicas de como aprender mais rápido e melhor e acelerar o seu processo de aprendizagem. Confira:

1 – Assista aulas e ensine o que aprendeu

Como aprender mais rápido? Procure um professor, uma autoridade digital ou qualquer outra pessoa que seja especialista no assunto que você deseja aprender. Não importa se é um novo esporte ou outra língua. Ter ao seu dispor materiais como vídeos aulas, podcasts, apostilas, livros farão com que você absorva o tema proposto muito mais rápido, do que se decidisse estudá-lo sozinho.

como aprender mais rápido 2
Ter materiais de especialistas como vídeos aulas, podcasts, apostilas, livros farão com que você absorva o tema proposto muito mais rápido.

Encare as aulas sejam online ou presenciais como um recurso, que pode trazer novos ângulos para o conteúdo estudado. Quem lança mão de vídeo aulas, por exemplo, tem a vantagem de poder rever a matéria quanta vez quiser, além disso, normalmente quem oferece esse tipo de material, disponibiliza também um canal, para que os alunos possam tirar suas dúvidas.

como aprender mais rápido e melhor? Passando adiante tudo que você aprendeu! Ensinar uma pessoa pode ajudá-lo a organizar melhor a informação e melhorar a sua compreensão acerca do tema, pois, verbalizar e raciocinar antes de falar ou ensinar ajuda também na memorização. Junte um grupo de pessoas que estão buscando aprender o mesmo conteúdo que você, perceba quais são as dificuldades deles e prepare aulas focando nessa parte. Para tanto, opte por um tema, que você já tenha estudado o suficiente para passar para outro colega.

2 – Descubra seu horário mais produtivo

É extremamente importante que você identifique qual é o seu período mais produtivo do dia. Concentrar o seu processo de aprendizagem em um horário que a sua produtividade está a todo vapor, certamente fará com que você aprenda melhor e com mais facilidade. A melhor maneira de descobrir o seu horário mais produtivo é estudando em diversos horários. Desse modo, você pode verificar como fica sua concentração e memorização nesses horários e optar por um que seja mais favorável a aprendizagem.

Tem como aprender mais rápido e melhor mesmo sem escolher seus horários de estudos? Sim. Infelizmente nem todos possuem o privilégio de estudar a hora que quiser e conforme a sua necessidade. Se esse é o seu caso, procure desenvolver o hábito de estudar todo dia no mesmo horário. Se você trabalha o dia todo e só pode estudar a noite, por exemplo, separe um momento específico para aprender o que se propôs e insista nesse hábito, até ele virar uma rotina.

No entanto, fique atento a seus próprios limites: Não insista se você estiver realmente cansado. Quando estamos cansados, independentemente se a exaustão atingir a nossa vista ou mente, ou os dois, a  nossa capacidade de concentração diminuirá consideravelmente. Você se verá, então, tendo que ler e reler o mesmo trecho diversas vezes e, é claro, demorando assim, muito mais tempo para aprender.

Sem falar que no dia seguinte, você poderá retomar o texto e perceber que não assimilou praticamente nada do que estudou na noite anterior. Isso porque um cérebro cansado também diminui sua habilidade de reter informações. Portanto, saiba a hora de parar, uma boa noite de sono e hábitos saudáveis tem muito a acrescentar no seu processo de como aprender mais rápido.

3 – Estude um especialista ou autor por vez

Por que aprender mais rápido? A falta de tempo pode fazer você postergar uma série de tarefas, até mesmo aprender algo novo. Uma maneira interessante de otimizar seus estudos é focar em apenas um especialista e metodologia, pois desse modo você conseguirá entender e se aprofundar melhor no assunto, além de dominá-lo em pouco tempo. Uma vez consolidado o conteúdo, volte nele sempre que necessário.

Você não precisa ler todo o material para relembrar, tudo que você aprendeu com o especialista escolhido. Existem várias maneiras de revisar o conteúdo. A mais usual delas são os tradicionais resumos. Quem tem memória visual, por exemplo, pode dar ênfase nos resumos, mapas mentais,  imagens, gráficos e nas cores utilizados em todos estes.

Grifar um texto em vermelho ou qualquer outra cor, pode te ajudar a selecionar determinada parte como importante e a sua memória logo vai prendê-la. Os gráficos e esquemas também ajudam a criar relações entre significados. Assim se você esquece uma informação, o seu cérebro faz a ligação e as ideias começam a fluir naturalmente, como um recurso de auto memória.

4 – Utilize o recurso da autoexplicação

Por que aprender mais rápido, usando a auto explicação pode ser interessante para você? Também chamada de elaboração interrogativa, a técnica consiste em duvidar de tudo que se lê, refletindo sobre cada informação. A Autoexplicação ocorre quando, a partir de indagações, você tenta explicar os conteúdos para si mesmo.

Ao questionar, duvidar, responder e resumir conteúdos você estabelece a autoexplicação, considerada uma leitura interativa, que vai além de uma simples olhada nos livros e cadernos. O processo é uma ferramenta útil para absorver conhecimento, sem precisar decorá-lo.

5 –  Divida sua aprendizagem em etapas

Como aprender mais rápido e melhor? Faça uma coisa de cada vez! Não adianta querer entender tudo sobre gramática ou trigonometria em um único dia de estudos, por exemplo. Segundo os cientistas, o aprendizado é mais eficaz quando acontece em partes, com pequenas conquistas isoladas, que quando somadas resultam em um conhecimento mais completo. Portanto estabeleça pequenos objetivos diários e foque em um assunto por vez.

Apesar de o nosso cérebro ser capaz de realizar mais de uma tarefa, adotar uma postura multitarefa na hora de estudar não é uma boa opção. Quando estudamos várias coisas ao mesmo tempo ou folheamos as páginas do caderno enquanto assistimos à televisão, navegamos na internet, o conteúdo não é absorvido em sua totalidade, fazendo com que o conhecimento se torne superficial e fragmentado. Por isso, foque em uma tarefa de cada vez.

como aprender mais rápido e melhor 3
Segundo os cientistas, o aprendizado é mais eficaz quando acontece em partes.

Lembrando que você precisa de um ambiente tranquilo para estudar se quiser aumentar as chances do seu cérebro reter informações. Escolha um lugar tranquilo e livre de distrações. Ter um lugar reservado para estudar e aprender ajuda você a se manter dentro de uma rotina de aprendizagem.

6 – Tenha objetivos definidos para estudar e aprender

Definir metas para estudar não só vai lhe gerar mais motivação para aprender, como também vai ajudá-lo a determinar qual assunto você deve absorver primeiro. Pergunte-se: Qual conteúdo fará a diferença na sua vida primeiro? E monte sua sequência de estudo.

O nosso cérebro consome muita energia, qualquer atividade sem utilidade ou sem uma recompensa acaba sendo inútil e por isso ele deixa de executar. Se você estuda sem objetivo, seu cérebro entende que a atividade de estudar não tem utilidade, logo não é necessário concentração e nem memorizar o conteúdo, pois nada será utilizado depois.

Já quando você estabelece objetivo, você envia um alerta de que está fazendo algo importante, com isso ele assimila e compreende melhor uma informação para estudar. Se você ainda não tem objetivos definidos, faça uma pausa e pense bem a respeito! Se quiser pode escrever seu objetivo em papel e colar em um mural ou em um lugar onde você o veja com facilidade, assim estará sempre lembrando o porquê você está se dedicando aos estudos. Faça isso e você terá um melhor desempenho no seu desafio de como aprender mais rápido e melhor.

7 – Utilize a técnica Skimming e a técnica Scanning

Descubra como aprender mais rápido e agregue mais valor e conhecimento à sua vida, adotando o hábito de estudar até mesmo naqueles dias em que o tempo parece voar

Já a técnica Scanning consiste em correr os olhos pelo texto para identificar as palavras chaves, ou seja, os termos mais importantes, relacionados à informação que você queira extrair daquele conteúdo. Por exemplo, imagine que você esteja lendo um artigo sobre empreendedorismo, mas o que realmente te interessa é “mercado digital”, basta folhear o artigo em busca de termos relacionados como: “mercado online”,  “infoproduto’’, ‘’negócio digital” entre outros. Assim, você obtém rapidamente as informações que são do seu interesse, sem precisar passar pelo restante.

Vale lembrar que em qualquer tipo de leitura que você se dedicar a fazer, é fundamental que você não desperdice tempo. Quanto mais fundo você mergulha no texto, melhor entende o que autor escreveu. Se você é do tipo de pessoa que para a cada dois parágrafos, para checar o celular ou suas redes sociais, a capacidade de compreensão e de reter o conteúdo ficará comprometida, além de demorar mais tempo para aprender. Por tanto quando for estudar silencie suas notificações, mantenha-se afastado das distrações pois quanto mais tempo conseguir ficar focado na leitura, mais rápido você aprenderá.

8 – Evite o stress

Um cérebro muito estressado produz grande quantidade de cortisol, o que impede que seu cérebro se concentre e memorize um conteúdo. Portanto se você estiver estressado e lendo algo, saiba que sua mente não irá “guardar” nada. Portanto se perceber que está muito estressado é melhor nem começar sua sessão de estudos. Procure relaxar sua mente e deixá-la em estado ideal de aprendizado. Durma um pouco, tome um banho quente, tome um chá de camomila ou qualquer outra coisa que a acalme seu corpo e mente.

Outro modo de evitar o stress, é simplificando o seu processo de aprendizagem o máximo possível. Procure referências, materiais que “conversem” melhor com você e que seja especialmente claro. Não pule etapas, para aprender uma coisa nova, o jeito é “começar do começo”, por mais redundante que isso possa parecer.

9 – como aprender mais rápido e melhor com a técnica Pomodoro

A técnica Pomodoro tem como objetivo gerenciar o seu tempo de forma efetiva, ou seja, ajudar você a controlar, medir e utilizar as horas a seu favor. Como aprender mais rápido com esse método? Escolha uma atividade a ser realizada, como, por exemplo, estudar uma matéria ou disciplina. Divida o tempo para a atividade em espaços de tempo de 25 minutos.

A cada 25 minutos, dê uma pequena pausa, de 5 minutos. Retorne por mais um período de 25 minutos. Após completar mais 25 de atividade, se dê nova pausa e assim por diante. Pois a essência da técnica Pomodoro é dividir uma tarefa grande em pequenos períodos de trabalho, com um tempo de pausa. Este tempo de pausa deve ser esticado para 15 a 25 minutos, depois de 4 intervalos.

10 – Tente o novo todo dia

Quem nunca usou o fator tempo como desculpa para aprender algo novo que atire a primeira pedra. Se tempo é uma desculpa aceitável – como milhares de outras pessoas conseguem manter o hábito de estudar? A resposta é simples, elas apenas estavam dentro do espaço de tempo que elas têm e você também pode fazer o mesmo.  

O importante é começar! Imagine que você só tenha apenas 5% do seu dia disponível para se dedicar a uma nova atividade. Se todo dia você utilizar esse pouco tempo para aprender algo, no final de alguns meses você terá agregado à sua vida um determinado conteúdo ou habilidade, e isso já soa melhor do que nunca tentar.

E já que estamos falando de tempo, é fundamental aprendermos a melhor maneira possível de vivermos com qualidade de vida, trabalhando menos e ganhando mais, por isso recomendamos que você baixe o e-book mais abaixo gratuitamente. Clique na imagem e faça o download imediato:

ebook ganhar mais trabalhando menos