Como obter inteligência financeira e alcançar a liberdade dos seus sonhos
Vote neste post

Inteligência financeira são duas palavrinhas que são citadas com muita frequência. Certamente você já as ouviu em alguma palestra ou as leu em algum artigo. Os profissionais que trabalham com finanças sempre as mencionam. Mas você sabe o que elas significam? Sabe o quanto elas podem impactar a sua vida? Sabe o quanto elas podem transformar o seu futuro?

Se acaso a resposta para essas perguntas for negativa, não se preocupe. No artigo de hoje, vamos explorar o assunto. Separamos dicas de inteligência financeira para você analisar e colocar em prática hoje mesmo. E não pense que, por não ter dezenas de milhares no banco, você não pode desenvolver a sua inteligência financeira. Na realidade, todos podem (e devem!).

Mas será que desenvolver essa inteligência é algo tão simples? Afinal, comumente vemos pessoas reclamando da falta de dinheiro.

Deixando as questões governamentais e políticas de lado, o problema é que a maioria das pessoas não conseguem se planejar. O dinheiro entra e, por incrível que pareça, muitas pessoas só sossegam depois que todo o salário vai embora.

Muitas fazem contas, usam o cartão de crédito, adquirem parcelas intermináveis, fazem empréstimos e tantas outras situações de risco. Veja bem: não somos contra esses recursos. Eles estão aí justamente para ajudar as pessoas. Mas até mesmo para essas situações, é fundamental ter inteligência financeira. É ela que vai proibir que você cometa erros.

Fazer um empréstimo sem planejamento, por exemplo, poderá colocar seus bens em risco. Imagine ter que vender um carro ou uma casa para cobrir um empréstimo que foi feito em um valor bem inferior ao bem. Sendo assim, para evitar esse tipo de situação, convidamos você a tirar um tempinho para pensar a respeito do assunto.

Quem sabe não seja a atitude que está faltando para que você tenha mais tranquilidade,?

Afinal, o que é inteligência financeira?

A inteligência financeira está diretamente ligada às emoções e à maneira como a pessoa se comporta diante das mais diferentes situações do dia a dia. É saber usar com sabedoria o dinheiro que entra, sem cometer gastos acima desse valor. Ou melhor: uma grande sacada é sempre guardar, o mínimo que seja, desse dinheiro que entra. Aqui começa a caminhada.

planejamento financeiro
Com um pouco de foco é possível fazer seu dinheiro render muito mais e, assim, investir para conquistar o que importa

Inteligência financeira é ter clareza de objetivos e autocontrole. É não sair comprando tudo o que deseja. É focar naquilo que é importante e não se desviar desse caminho. Aliás, essa é a melhor maneira de aprender como ter inteligência financeira. A disciplina deve imperar em todas as decisões a partir de agora. Antes de realizar qualquer investimento, analise.

E, como dito no começo do artigo, não importa a quantidade de dinheiro que você dispõe no momento. As dicas de inteligência financeira valem para todas as pessoas. Se não fosse assim, não conheceríamos tantas histórias de sucesso. Pessoas que começaram do zero e hoje possuem um verdadeiro império. Tudo graças à inteligência financeira e objetivos claros.

E como ter inteligência financeira nesses casos? Com muita força de vontade. Supondo que João receba um salário mínimo por mês, imagine que ele consiga separar 100 reais para fazer algum tipo de investimento. No mês seguinte, ele faz a mesma coisa. Em alguns meses, o montante de dinheiro vai ter um valor maior que o próprio salário que ele recebe mensalmente.

Não parece um bom negócio? Um esforço mensal que vai resultar em uma tranquilidade futura. E se João ficar reinvestindo essa quantidade, imagine o quanto ele não vai ter quando chegar à aposentadoria. Esse é o chamado “efeito bola de neve”. É quando a pessoa consegue manter uma quantia que a deixa à vontade para continuar sua vida, sem maiores preocupações futuras.

Dicas de inteligência financeira

E já que a inteligência financeira é resultado de uma sequência de hábitos, é claro que é possível seguir alguns passos. E não deixaríamos você sem esse passo a passo que sempre ajuda tanto. Aliás, por falar em ajuda, dá uma olhada nesse vídeo do criador do movimento Freesider, Fagner Borges, sobre como conseguir guardar dinheiro:

1 – Evite compras a prazo

É verdade que, muitas vezes, é muito mais confortável jogarmos o pagamento para frente. A sensação é a de que só vamos conseguir conquistar muitas coisas se encontrarmos maneiras de pagarmos aos poucos. Fato é que essa sensação boa nada mais é que uma cilada. É preciso ter inteligência financeira até mesmo para saber a hora certa de parcelar.

E como ter inteligência financeira nessas situações? Simples. Responda com sinceridade: quantas vezes você adquiriu algo que não precisava tanto assim, apenas porque podia jogar o pagamento lá para a frente? Pois bem. Pessoas que fazem isso certamente não possuem inteligência financeira. Buscam um pseudo conforto, acreditando ter feito um bom negócio.

É fundamental manter seu estilo de vida dentro dos padrões financeiros que ela permite. Nada de se preocupar com marcas famosas, se você não ganha o suficiente para mantê-las. Não vale a pena fazer tantas dívidas para manter o status. É preciso se livrar desses estigmas, afinal, isso também é ser inteligente com suas finanças. É difícil? Sim. Se fosse fácil, todos fariam.

Dessa maneira, essa é a primeira das dicas de inteligência financeira. Evite ao máximo realizar compras a prazo. É de suma importância identificar metas e objetivos. E, em hipótese alguma, desviar o percurso. Só essa atitude vai fazer toda a diferença nas suas finanças. Deixe para pagar a prazo somente aquilo que tenha a ver com seus objetivos, e sempre pague certinho.

2 – Entenda e proteja seu dinheiro

Antes de mais nada, é muito importante lembrar sempre que quem manda é você. Nada de se tornar escravo do dinheiro. É você quem manda nele. Assim sendo, podemos falar sobre a proteção. Você precisa olhar para o seu dinheiro como algo sagrado. Importante. É preciso respeitá-lo. Ele é seu bem adquirido com esforços e trabalho. Não saia por aí desperdiçando-o.

Saber investí-lo com sabedoria é um bom começo. Faça investimentos que vão te trazer um retorno. Existem muitos investimentos interessantes e possíveis. Faça uma análise com o gerente do seu banco, ou algum responsável pelos investimentos, e identifique qual tem mais a ver com seu estilo. Seu dinheiro não vai ficar parado e ainda vai te trazer um bom retorno.

O mesmo vale para o patrimônio que você já possui ou que vai vir a ter. Existem seguros para quase tudo. Portanto, assegure seus bens. Nunca se sabe o que vai acontecer no futuro. É bom dormir a noite sabendo que tudo está protegido de alguma maneira. Aliás, esse deve ser o sentimento de conforto a partir de agora. Substitua falsas sensações pelo o que vale a pena.

Essa é uma das melhores maneiras de aprender como ter inteligência financeira: o respeito. Se conseguir respeitar suas conquistas, meio caminho já terá sido percorrido. Parece exagero? Bom, quantas vezes você jogou seu dinheiro fora? Consegue imaginar quanto teria guardado se não o tivesse desperdiçado tantas vezes? Sendo assim, a afirmação não foi um exagero.

3 – Aprenda a controlar seus gastos

Essa é uma habilidade indispensável para todos que buscam dicas de inteligência financeira. Controlar os gastos tem a ver com a consciência da realidade. Do quanto realmente entra e quanto precisa sair. Tem a ver com o foco nas futuras possibilidades e tranquilidade quando a vida já não vai ser encarada com os mesmos olhos. Com os mesmos pensamentos.

O ideal é fazer uma varredura na sua vida financeira. A ideia aqui é identificar quais os pontos que poderá “enxugar”. Isto é, aqueles gastos que podem, ao menos por um tempo, serem deixados de lado. Se não sabe exatamente quais gatos são esses, separamos uma lista de possíveis gastos inúteis para você. Mas olha só, encare tudo com sinceridade.

  • Planos de uma academia que nunca frequentou;
  • Assinatura de revista que aborda um assunto que não lhe interessa mais;
  • Planos de tv por assinatura que nem fazem tanta diferença;
  • Almoçar ou jantar fora com frequência, sendo que pode cozinhar em casa;
  • Parcelamentos sem necessidade;
  • Impulsos na frente de vitrines;

Claro que essas são apenas algumas opções. Mas você poderá observar com cuidado sua vida, sendo honesto consigo. Não tente procurar justificativas para os gastos sem necessidade. As desculpas são responsáveis por muitos problemas na vida. A desculpa é um boicote contra a realização de sonhos. Corte todos os gastos que não vão acrescentar sua vida em nada e siga.

como fazer mais dinheiro
Corte as despesas que não vão te trazer retorno. É só avaliar seus objetivos e gastar somente com o que for prioridade

4 – Multiplique o seu dinheiro

Dinheiro parado é desperdício também. Um dos grandes segredos das pessoas que possuem inteligência financeira é manter o dinheiro sempre circulando. É esse movimento que faz com que ele se multiplique. E multiplicação tem a ver com saber poupar e investir. Assim sendo, você pode seguir alguns passos para fazer com que a multiplicação se torne uma realidade em sua vida:

  • Durante, ao menos quatro meses, poupe parte do seu salário;
  • Não esqueça que liberdade financeira tem a ver com sua inteligência com os gastos;
  • Sacrifícios são necessários para que os resultados apareçam, e isso vale para tudo;
  • Deixar o futuro ao acaso pode ser um risco muito grande;

Mas lembre-se que você não precisa sair correndo imediatamente para fazer investimentos. A segurança é fundamental nesse momento. Não tenha pressa e busque absorver todo o conhecimento que puder. É possível conseguir dicas importantes com o gerente do banco ou com pessoas que já estejam envolvidas no meio. Sinta-se seguro antes de investir.

Identifique que tipo de investidor é você. A consciência financeira é importante para encarar a realidade da sua situação atual. Não pise em um terreno desconhecido para não correr riscos. E, quando estiver pronto, vá em frente. Existem investimentos que oferecem menores riscos, como é o caso do tesouro direto, e existem outros mais arriscados e mais rentáveis.

E uma dica bacana é: quando investir, permita que seu dinheiro cresça. Reinvista. Esqueça que possui aquele dinheiro e, quando chegar lá na frente, terá um montante satisfatório. A aposentadoria, visto as leis atuais, não é algo tão promissor. Entretanto, se fizer seu dinheiro se multiplicar, a tranquilidade é certa. E esse é o estágio da vida em que mais merecemos paz.

5 – Mude seus hábitos

Mudar a rotina não é uma tarefa tão simples. Afinal, são hábitos. A boa notícia é que tudo pode virar um hábito. E a má notícia também é essa. Então, se terá que fazer uma escolha entre dois caminhos, por que não escolher o melhor? E para mudar os hábitos, é preciso ter consistência. Não sabe como fazer isso? Olha o Fagner aí novamente para trazer dicas valiosas:

Se todos os dias você escova os dentes e toma banho, por exemplo, você é uma pessoa apta a desenvolver hábitos. Esses são hábitos. Dessa maneira, basta utilizar o conceito para as coisas novas que surgirem. Veja bem: um aprendizado adquirido, jamais será roubado. Ninguém acorda e pensa: “Hoje não quero ser inteligente financeiramente”.

Então aproveite esse impulso e vá subindo alguns degraus. Não importa o tamanho do passo que você vai dar. O mais importante é que o crescimento seja constante. E crescimento constante chega ao status de hábito.

Conclusão

A inteligência não é um fato. É possível desenvolvê-la com boa vontade e esforço. É claro que existe aquela inteligência natural, que as pessoas nascem com ela. Mas certamente a financeira não é uma dessas. Somos impulsivos e queremos conquistar cada vez mais. O que podemos concluir é que a inteligência financeira é algo que se adquire.

E quando conquistá-la, um novo mundo se abrirá em sua frente. Você vai perceber que tudo é possível, quando se tem um bom planejamento. Aliás, se planejar é fundamental para qualquer passo que decida dar. Por exemplo, um nômade digital faz todo um planejamento para que possa viajar pelo mundo enquanto realiza seu trabalho.

Ele estuda, busca informações sobre o local para onde vai e vê como vai encaixar as dicas em sua rotina. Para começar, o ebook do Fagner Borges “Como ganhar dinheiro enquanto viaja pelo mundo” é um material excelente. Ele ensina como ganhar dinheiro enquanto conhece lugares incríveis. Acha que esse é um desafio muito grande?

Então baixa o ebook gratuitamente e descubra. Quem sabe esse não é o estilo de vida que vai se encaixar com a sua inteligência financeira?