5 (100%) 2 votes

Algumas coisas simplesmente não podem ser passadas de uma pessoa para outra e a automotivação é uma delas. No entanto, é fácil encontrar algumas dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho.

Isso acontece principalmente, porque resultados de estudos mostram o potencial que a motivação no trabalho têm no desempenho profissional e pessoal das pessoas.

Exemplo de homem feliz e inspirado
Exemplo de homem feliz e inspirado

E que cada vez mais pessoas estão em busca de dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho. Afinal, quando você está mais focado e motivado é possível  trabalhar de maneira mais inteligente.

Ser confiante e automotivado vem de dentro de uma pessoa. E a motivação no trabalho acontece a partir de várias fontes ou incentivos motivacionais.

Você pode ganhar autoconfiança de basicamente qualquer coisa que te motiva.

Seja um amigo pessoal encorajando você, uma meta de vida que está pressionando você. Através de dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho ou simplesmente as pequenas coisas da vida que fazem valer a pena.

A automotivação é, na sua forma mais simples, a força que leva você a fazer as coisas. Todo mundo tem o poder de ser motivado. Você só precisa descobrir de onde vem.

São muitas as dicas e palestra de motivação no trabalho. Artigos como este e tantos outros aqui no blog dedicados a motivação no trabalho. No entanto, a automotivação não é simples.

Além de artigos e livros, muitos especialistas desenvolvem teorias em torno da automotivação.

E uma dessas é a técnica de modelagem. Uma importante técnica no desenvolvimento da auto motivação, baseada  no comportamento dos outros, principal fonte de aprendizagem humana.

Dicas de motivação no trabalho

Todos nós sonhamos em conseguir um bom emprego depois da formatura. Todos nós gostamos de ter um emprego que tenha um bom escopo de carreira, no qual possamos melhorar nosso conhecimento e experiência.

Mas o que acontece depois de cerca de seis meses quando estamos no trabalho? Continuamos olhando para o sistema e reclamamos sobre nossos deveres e prazos de trabalho.

Biscoito da sorte com dicas de inspiração
Biscoito da sorte com dicas de inspiração

O prazer do trabalho se esgota dia após dia e nossa produtividade também. Isso quer dizer, que não estamos felizes com o nosso trabalho. E é o que instiga a busca por dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho.

Há também várias outras razões pelas quais não estamos felizes no trabalho. Como conflitos internos no local de trabalho, compromissos pessoais, pressão familiar.

Esse desgaste no trabalho, também pode ser resultado de relações tensas entre colegas de trabalho.

Mas, ainda que todos esses motivos juntos, sejam os causadores da falta de motivação no trabalho, é extremamente necessário desfrutar do que fazemos, em prol da nossa carreira e da empresa.

1 – Analise suas prioridades

Qual sua função no trabalho? Quais são as prioridades? Já reparou que muitas vezes você passa amanhã toda resolvendo questões importantes, mas que na realidade não era a prioridade? Pois bem, fuja desta situação.

É comum a gente enxergar urgência em tudo, mas não é o ideal. Afinal, é elementar dedicar tempo em atividades que realmente são importantes para você e para a empresa.

Dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho
Dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho

Primeiro de tudo, analise todo o trabalho que você tem que fazer. Dê importância àquele que precisa de atenção imediata. Posteriormente, comece a realizar outras tarefas de acordo com a prioridade.

Para ter melhores resultados com esta análise, leia o artigo, como definir prioridades. Está é, com certeza, uma dica que valerá para todas as áreas da sua vida.

2 – Faça pequenas alterações

Não se atenha à mesma maneira de fazer o seu trabalho. Mude sua maneira de fazer as coisas de vez em quando, para que você se sinta revigorado o tempo todo.

Insira pequenas pausas para alongamento durante o trabalho. Ouça músicas diferentes. Beba água saborizada.

Experimente iniciar seu trabalho de outra maneira. Pesquise no YouTube como outros profissionais fazem esta mesma função, vivencie essa alteração.

3 – Procure oportunidades

O verdadeiro prazer ocorre apenas quando você procura por novas oportunidades e se aprimora continuamente no trabalho.

A motivação e uma relação entre ação e recompensa. Por isso, faça o melhor uso de suas habilidades. Aprimore o que você gosta de fazer e traga benefícios para você.

Sentir-se bem com suas escolhas, e na busca por oportunidades,  será benéfico para seu desenvolvimento no trabalho.

4 – Esteja perto de quem te inspira

A motivação é proveniente de variadas estirpes. Por isso, dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho, funcionam como uma excelente alternativa de motivação para algumas pessoas. Mas, para outras, nem tanto.

E você precisa então, encontrar o que te motiva. Além de palavras, textos e dicas a sua motivação pode ser melhor desenvolvida a partir de exemplos práticos. Por isso, se mantenha próximo as pessoas que te inspira.

Se você admira sua colega de trabalho bem humorada e sempre de bem com a vida, aproxime-se dela. Se por outro lado, você estima o foco e a determinação de outra colega, faça o mesmo.

Mantenha-se rodeado de pessoas que te inspiram. Este é um hábito de profissionais motivados e que alcançam o sucesso. Afinal, acreditam que o sucesso é contagiante.

Técnica de modelagem como alternativa a automotivação

É comum, ao ler dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho, sentir-se mais confiante e seguro de si. Isso acontece porque, colocamos o palestrantes como um modelo a ser seguido.

E é em torno desse pensamento que, a técnica de modelagem, é apresentada como alternativa para o desenvolvimento da motivação no trabalho.

Exemplo de motivação no trabalho
Exemplo de motivação no trabalho

A modelagem, também é chamada de aprendizagem observacional ou imitação, é um procedimento baseado em comportamento.

Envolve o uso de modelos vivos ou simbólicos para demonstrar um determinado comportamento, pensamento ou atitude que devem ser adquiridas ou alteradas.  

A terapia de modelagem é baseada na teoria do aprendizado social. Ou seja, esta teoria enfatiza a importância de aprender a partir da observação e imitação de modelos. Aprender sobre recompensas e punições que seguem o comportamento.

A técnica tem sido usada para eliminar comportamentos indesejáveis, reduzir medos excessivos e até mesmo para facilitar o aprendizado de comportamentos sociais.

A modelagem pode ser usada para fortalecer ou enfraquecer comportamentos previamente aprendidos.

A terapia de modelagem é realizada por um terapeuta. E é um processo dividido em algumas etapas de observação.

O cliente observa primeiro quando o terapeuta aborda o objeto temido e depois aborda o objeto em etapas ou estágios com o incentivo e apoio do terapeuta.

Mas, se não é sua intenção ir até um profissional, para ter esse apoio, você pode inserir o hábito da observação na sua rotina.

Para isso, você precisa observar hábitos e pessoas que podem contribuir beneficamente para o que você espera alcançar. Esse processo passa por 4 fases.

Fases da aprendizagem observacional

Albert Bandura é o psicólogo que demonstrou pela primeira vez a aprendizagem observacional em um experimento.

Atenção – a atenção é a chave. Pois, sem estar atento ao seu entorno, você não será capaz de reproduzir o comportamento.

Retenção – simplesmente observar um comportamento não é suficiente. Você deve ser capaz de lembrar ou ensaiar a ação particular, tanto física quanto mentalmente. Isso depende da sua capacidade de estruturar e codificar informações.

Iniciação – após a observação, você também deve ser capaz de reproduzir o comportamento tanto fisicamente quanto intelectualmente.

Motivação – a motivação é outro aspecto importante da aprendizagem. Sem motivação, o você não é capaz de produzir comportamento aprendido. A sua motivação, no entanto, não será a mesma do indivíduo observado.

Mas a motivação é o que o que te impulsiona para atingir seus objetivos, sentir mais satisfeito e melhorar a qualidade de vida.

Por isso, além de dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho, compreender essa dinâmica de observação e aplicar, aos poucos em sua rotina, será benéfico para o seu crescimento pessoal e o manterá mais motivado.  

Dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho

Diariamente somos expostos a uma enorme multiplicidade de modelos, que em diferentes contextos exibem desde os comportamentos mais simples aos mais complexos.

A observação desses comportamentos e das suas consequências será em grande parte determinante na aprendizagem. Bandura afirma que a autoeficácia pode ser influenciada pela modelagem.

Equipe de trabalho com colaboradores se sentindo inspirados
Equipe de trabalho com colaboradores se sentindo inspirados

Esse processo de repetição é mais perceptível na infância. Mas, diferentemente do que a maioria das pessoas pensam, a reverberação da aprendizagem acontece em todos os períodos da vida.

Adultos, geralmente, também aprendem através de modelagem. Quando você foi a um restaurante novo, por exemplo, você se serviu ou fez o pedido através da observação de outros clientes que já estavam no estabelecimento.

Ou seja, você aprendeu por modelagem. Aprendemos novos comportamentos por modelagem o tempo todo.

Muitas vezes essa aprendizagem acontece de maneira inconsciente, você simplesmente repete.

No entanto, você também pode aprender novos comportamentos por meio da modelagem, de maneira consciente.

Essa é a ideia, por trás, de estar próximo a pessoas com boas atitudes. Profissionais bem sucedidos, indivíduos realizados e pessoa motivadas.

É entender a motivação da pessoa, observar suas atitudes e se inspirar na energia do outro. Assim como você se inspira em dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho.

A real motivação

Quais forças estão por trás de nossas ações? Você se levanta e vai para a academia todos os dias porque sabe que é bom para você, ou é por causa de algum tipo de recompensa externa?

Existem muitas razões diferentes pelas quais fazemos as coisas. Às vezes somos motivados a agir por causa de desejos internos, mas em outros momentos, nossos comportamentos são motivados por um desejo de recompensas externas.

Muitas pessoas estão o tempo todo em busca de dicas rápidas e palestras de motivação pessoal, no entanto, nunca conseguem a motivação necessária. Isso porque, não sabem exatamente o que querem.

A motivação é uma força interna e por isso está relacionada com algo que faz sentido para você.

A motivação é tudo sobre o nosso desejo interno de realizar algo que é importante para nós.

Essa motivação, desejo, nos faz agir. Motivação é sobre uma necessidade não satisfeita que queremos satisfazer. A motivação é sobre um objetivo que queremos cumprir.

A motivação, então, é um forte desejo de agir, para alcançar algo que tenha valor para você. Isso vem de nossas necessidades, valores e objetivos.

Para compreender a motivação e fazer valer as dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho é preciso entender que a motivação é basicamente interna.

Isso quer dizer que não adianta uma pessoa querer que você seja motivada. Porque só você consegue estabelecer o que de fato tem sentido para te motivar.

Sendo assim, o máximo que uma pessoa pode fazer é entrar em contato com suas necessidades, emoções e objetivos.

Por isso, independente das dicas rápidas e palestra de motivação no trabalho, o impulso no trabalho deve ser construído por você.

A motivação no trabalho

Quando alguém, como seu chefe, quer que você faça alguma coisa, você pode obedecer porque ele ou ela tem poder sobre você.

O fato é que, você ter feito o que foi solicitado não significa que você estava feliz em fazer. Nem significa que você queria fazer.

Realizar uma função na qual você não tem motivação interna para fazer, gera um sentimento de insatisfação. Com o passar do tempo pode aumentar mais e mais.

Sua motivação para fazer algo deve vir de dentro de você. Tem que ser algo que você quer fazer. Para conseguir a motivação no trabalho, você precisa então, encontrar a relação entre seu trabalho e o que te motiva.   

A chave para essa atividade é alinhar seus objetivos organizacionais com as necessidades individuais. Ou seja, suas emoções e objetivos.

É preciso entender o porquê deste trabalho. Qual seu objetivo com ele. O que este serviço representa para você?  

Você não pode estar realizando um função todos os dias, que não representa para você. Há alguma importância, em algum aspecto da sua vida profissional ou pessoal.

Deixe claro para você mesmo o porquê da sua atual função. Por quanto tempo você pretende se manter aí, fazendo as mesmas tarefas. E principalmente o que você vai fazer para sair deste emprego, ou para crescer dentro da empresa.

Você tem que criar um ambiente de trabalho que promova suas motivações internas.

Quando você aprender como combinar o que deseja fazer no local de trabalho com seus motivadores internos, você se tornará uma pessoa com alto desempenho que se apropria de suas obrigações de trabalho.