Propaganda é a alma do negócio. Essa, talvez, seja a primeira regra para quem decide ser um empreendedor. Investir parte do orçamento em campanhas que divulguem sua marca com qualidade, faz crescer consideravelmente o número de consumidores.

A aplicação de técnicas de marketing digital é uma estratégia que vem presenteando seus desenvolvedores com excelentes resultados. Diferente de antigamente, a qualidade do material oferecido, além de ter que contar com um excelente produto, exerce peso sobre a decisão final do consumidor.

Que o padrão de qualidade dos produtos é de suma importância já é sabido por todos que os oferecem. É interessante dedicar tempo para conquistar a confiança do consumidor. Essa deve ser uma das principais metas de toda empresa. E o atalho para essa conquista é a informação.

Propaganda é a alma do negócio

Oferecer artigos interessantes que abordam os diversos aspectos do produto, é uma excelente maneira de começar. Se dedicando a isso, sua publicidade será natural.

Porém, existem algumas falhas que podem colocar tudo a perder. Pensando nisso, vamos abordar essas falhas no artigo de hoje. Vamos dar o passo-a-passo de como fazer um anúncio eficaz.

Técnicas de marketing digital

A tecnologia baniu muitas das técnicas do marketing tradicional, o que acabou tornando possível que pessoas que não cursaram uma faculdade de marketing e propaganda, promovam trabalhos utilizando tais técnicas. Para isso, basta ser criativo, ter iniciativa e muita vontade de empreender e crescer.

Entender as técnicas de marketing digital é a melhor forma de evitar as gafes e erros que podem afastar seus consumidores:

1º Erro: Não fazer pesquisa de palavras-chave

Quando seu possível consumidor utiliza uma ferramenta de busca, quais palavras ele usaria para pesquisar o que deseja? Pois é, essas são as palavras-chave.

Sabendo disso, o ideal é utilizar ferramentas que possibilitem um controle de volume de buscas e o quanto essa palavra é relevante. Além, é claro, saber se elas possibilitam maior facilidade na hora que a ferramenta de busca fizer a varredura.

Para manter esse controle, pode-se utilizar ferramentas como o Google Keyword Planner ou o Keyword Spy, por exemplo. Elas possibilitarão que o empreendedor verifique se a palavra-chave escolhida tem uma boa quantidade de procura, conversões e o tamanho da concorrência.

Escolhida a palavra-chave, é importante manter um ranking que indique a quantidade de tráfego que ela gera e o número de conversões. Esse ranking vai servir como base para a escolha das próximas palavras, direcionando o empreendedor para as melhores maneiras de chegar até o público-alvo.

2º Erro: Esquecer de definir a persona

A persona é um perfil com as principais características do seu público. Definir suas características irá auxiliar nas vendas e gerar economia. Como resultado dessa definição, o investimento será feito.

Dominar o assunto de como fazer um anúncio, passa pelas características da persona. Procurar saber suas preferências pessoais e seus hábitos de consumo é o caminho certo para oferecer seu produto, ou sua marca, de forma eficaz.

Definir uma persona é um dos primeiros elementos fundamentais para o sucesso de seu negócio

Com a persona definida, o empreendedor saberá a linguagem ideal para se comunicar com seu público, aproximando-o de sua empresa e de seus produtos.

3º Erro: Não importar-se com o conteúdo

Hoje em dia, as pessoas gostam muito de informação, principalmente aquelas que lhes pareçam familiar, ou seja, coisas do seu cotidiano. Prova disso, são os blogs acessados incansavelmente por cada navegador da rede, nos mais diversos nichos..

Se a pessoa busca informações, é porque ela tem dúvidas em relação ao tema pesquisado. E nada melhor do que encontrar todas as informações ali, explicadas de maneira clara, esclarecendo todas as dúvidas e ainda possibilitando ao leitor entrar em contato para sanar outras possíveis questões acerca do tema.

Orientamos que se invista em conteúdo de qualidade, rico em informações, pesquisas, fontes e opções. É importante para seu consumidor entender que adquirir seu produto não é uma obrigação, mas uma solução.

Outra grande vantagem de manter um alto nível em seu conteúdo, é que ele vai gerar links. E essa é a premissa de qualquer trabalho em SEO.

4º Erro: Não gerar leads

Primeiramente, vamos entender a expressão: Leads são os potenciais consumidores que demonstraram interesse pelo seu produto, preenchendo cadastros ou baixando seu conteúdo, entre outras opções que a empresa irá oferecer.

Muitas empresas investem em anúncios na internet e criam suas páginas, mas não se preocupam em gerar essas leads, acreditando que apenas um grande número de visitas é o suficiente.

Como o ciclo de compras mudou com o passar do tempo, é importante entender que a venda já começa no anúncio. A decisão da compra é tomada enquanto o consumidor analisa o conteúdo na página. Por isso a importância das técnicas de marketing digital.

Entender como fazer um anúncio vai permitir que se consiga atrair esses potenciais consumidores através de conteúdo atrativo e, consequentemente, gerar as conversões. Esse processo precisa ser acompanhado com devida atenção.

Compreender a necessidade do público, suas dores, utilizar uma linguagem adequada a ele, oferecer suporte e produtos de qualidade. Este é um bom começo para garantir algumas leads.

5º Erro: Ignorar as métricas

Um erro bastante comum é o de não analisar qual plataforma ou técnica está gerando maiores conversões. Mais do que número de visitas e quanto tempo o leitor passa na página da empresa, é essencial saber como eles chegaram até ali.

Pode ser que os anúncios no twitter estejam gerando maior número de potenciais clientes. Ou, quem sabe, os e-mails marketing estejam trazendo um maior número de consumidores. A ideia é que, através dessa observação, a empresa invista na que tem gerado melhores resultados.

Entender as métricas é fundamental para saber onde você está indo.

Agora, quando o assunto é como fazer um anúncio na internet, obrigatoriamente um nome precisa ser citado: Facebook.

A maior rede social do mundo é o principal alvo das campanhas de empresas de todos os segmentos, independente do seu tamanho ou público-alvo.

Isso acontece porque a rede conta com 1,94 bilhão de usuários no mundo! O alcance não se compara a nenhuma outra rede social que existe. E como é de se esperar, as empresas se armam de técnicas para conquistar vendas pelo facebook.

Agora, veja esse vídeo do Fagner Borges, criador do movimento freesider, apresentando a importância das métricas para seu negócio:

Anúncios no Facebook

É importante entender cada passo para não colocar a empresa em riscos desnecessários. Vamos dedicar parte deste artigo para entender, de uma vez por todas, a importância dos anúncios e como vender no Facebook.

Criar anúncios via facebook é praticamente metade do caminho rumo ao sucesso

A rede social conta com 100 milhões de usuários no Brasil, garantindo o 3º lugar no ranking mundial, perdendo apenas para Índia e Estados Unidos. São 8 usuários da rede em cada 10 internautas do país, ou seja, o público-alvo está lá. É se preparar e ir à luta!

Como vender no Facebook?

Existem duas maneiras de vender pelo Facebook. A primeira é através de postagens. Optar por imagens que chamem a atenção, garante um bom número de acessos. Isso acontece porque 99% das pessoas são atraídas pela imagem para, então, procurar entender do que se trata.

Essa imagem pode vir acompanhada de uma explicação sobre o produto, os benefícios que ele oferece e um link que direcione o leitor para a página da empresa. Além de uma possível conversão, a pessoa tem a opção de navegar pela página e conhecer a empresa, os produtos e os serviços que a mesma oferece.

A segunda opção, é utilizar aplicativos como o BeeTailer ou Ecwid, entre muitos outros, que prometem dar todo o suporte e auxílio para transformar a fan page em uma loja online mesmo, através de configurações que eles oferecem.

Uma prática não exclui a outra, muito pelo contrário. Aliar as opções é uma ótima estratégia de vendas, e de maiores chances de conversões, que é o foco de todo empreendedor. Com o tempo, o domínio pelas técnicas aumenta e a tendência é que o número de leads seja crescente.

1º Acerto – Estude seu público-alvo

Para chegar até o público e falar a linguagem que melhor vai atendê-lo, é necessário estudá-lo. Saber suas expectativas quanto ao seu produto é um bom começo. Também buscar saber o que ele costuma consumir. E não falamos necessariamente de produtos físicos, mas também que blogs acessa, o que gosta de ler e o que busca com frequência.

As vendas pelo facebook geram maiores resultados quando a empresa oferece exatamente aquilo que o consumidor precisa: Informação, resolução de dúvidas, suporte e produtos de qualidade. Seguindo essa linha, o resultado é certo.

Outra grande vantagem da rede, quanto ao público, é o feedback instantâneo e honesto. Muitas pessoas se sentem desconfortáveis em fazer uma avaliação em frente ao empresário. No Facebook, ele pode falar sobre o produto com maior liberdade, e é exatamente por isso que o ideal é manter um serviço de qualidade, responder as perguntas e manter páginas atualizadas.

2º Acerto – Humanização sempre!

Como abordamos a questão do atendimento ao público, é de extrema importância falarmos sobre a humanização. Quando um cliente sente que pode confiar na empresa, ele se torna um consumidor fiel. Não só vai consumir seu produto, como fazer uma boa propaganda dele.

Como fazer um anúncio que trabalhe a humanização? Simples: Se fazer presente. É isso mesmo, estar próximo ao consumidor. Participar de debates na rede, responder seu público, atualizar as páginas e sanar dúvidas são práticas que causam um impacto muito positivo nas vendas pelo Facebook.

Como fidelizar clientes? Deixe um pouco a automação de lado, e use a humanização do processo.

Uma empresa que conseguiu excelentes resultados através dessa humanização, além de oferecer um serviço de qualidade, é a Netflix. Com uma sacada bem humorada, a empresa participa com muito afinco da rede, comentando e respondendo seus consumidores, gerando momentos de descontração que aproximam empresa e público.

Outro ponto importante, é que muito se fala sobre empreendedorismo, mas nem tudo é verdade. O interessante é entender como funcionam as técnicas de marketing digital para não cair nesses mitos.

3º Acerto – Venda seu peixe

Entre as diversas ferramentas que o Facebook oferece para os anunciantes, existe uma que exige um pequeno investimento, mas que gera excelentes resultados: O Facebook Ads.

O investimento vale a pena, pois ele permite que se desenvolva uma campanha super segmentada, e a empresa tem a opção de pagar somente pelo o que foi “consumido”, investindo em um sistema de CPC (custo por clique) e CPM (Custo por visualização da página).

Os valores investidos começam de forma simbólica e permitem que pequenas empresas, ou empresas que tenham uma baixa rotação para investimentos em propaganda, façam uso da ferramenta da mesma maneira. Conforme as vendas pelo Facebook vão aumentando, o empresário opta entre investir mais ou não.

Os formatos de anúncio são dos mais diversos, permitindo a cada empresa desenvolver uma campanha que tenha a cara do produto e que agrade ao público. Com as dicas de como vender no Facebook, as chances de sucesso são bastante positivas.

4º Acerto – Tamanhos das imagens para os anúncios

Quando se trata de fazer anúncios, Mark Zuckerberg mostra todo o lado perfeccionista, mantendo um “código de postura”. Característica muito marcante do empresário que pode ser vista, em parte, no filme A Rede Social.

Imagens bem feitas são atrativas, porém de nada vai adiantar se preocupar com a imagem, se na hora de postar, o Facebook desaprovar. As medidas aqui citadas, são as referências para o ano de 2017:

  • Capa – Deve contar com um tamanho mínimo de 399 pixels x 150 pixels. O chamado “tamanho ideal” conta com 852 pixels de largura, 315 pixels de altura e tamanho igual ou inferior a 100 Kb.
  • Foto perfil – Deve contar com, no mínimo, 180 x 180 pixels. O formato é quadrado, portanto, se for utilizada uma imagem retangular, ela será cortada.
  • Imagens – 504 x 504 pixels para fan pages.

Conhecer cada detalhe  de como vender no Facebook, ou as técnicas de marketing digital, irão proporcionar a qualidade de vida tão necessária. Ser dono do próprio tempo, contando com opções de horários para trabalhar e horários para o lazer, geram algo perto (senão exato) do emprego ideal.

Acredite no seu potencial e invista no empreendedorismo virtual. E se ainda não está 100% decidido de que esse é o melhor caminho, e participe da jornada da liberdade, evento online e gratuito organizado pelo Fagner, e liberte-se de vez das algemas que te prendem ao comum.

Jornada da Liberdade Começou

Bons negócios e boa sorte!