O trabalho em casa, também conhecido como home office, é um assuntos mais comentados nos últimos tempos. No entanto, essa temática é relativamente nova no território nacional e recebeu a devida formalização com a Reforma Trabalhista.

No entanto, ainda existem alguns pontos da lei que precisam de detalhamento para acabar com dúvidas tanto entre os funcionários quanto os empregadores. Por isso, sempre vale a pena buscar por informações a respeito do trabalho feito remotamente.

É preciso organização para poder fazer o trabalho em casa
É preciso organização para poder fazer o trabalho em casa

Caso você tenha a intenção de aderir ao trabalho em casa a partir de 2019, é indispensável estar por dentro de tudo. Isso porque é relevante acabar com algumas dúvidas e até algumas suposições erradas sobre essa tendência do mercado de trabalho. Vamos lá?

7 coisas que você precisa saber sobre o trabalho em casa

Quem está pensando em abraçar novas formas de rendas no ano que se aproxima, precisa estar atento ao trabalho em casa. É uma maneira atual e atrativa de aliar qualidade de vida e empreendedorismo.

Home office não significa trabalho em casa

Mesmo que essa seja a tradução oficial do termo, no país, ele estabelece de maneira geral o serviço que é feito em local fora do escritório ou sede da companhia.

Esse lugar pode ser ou não um escritório na sua residência. Isso porque o profissional pode efetuar seu serviço em cafeterias, hotéis, parques, aeroportos e também em casa, obviamente.

Os termos mais precisos para estabelecer essa rotina de trabalho são o trabalho remoto ou trabalho a distância. Na legislação nacional, o trabalho em casa é chamado de teletrabalho e já conta com uma série de medidas específicas.

Não é para todo mundo

O fato é que nem todo mundo está preparado para lidar com o trabalho em casa. Quem é um empreendedor e tem o objetivo de ficar em um local econômico para testar a ideia, está dentro. Já aqueles que são funcionários de um empreendimento carecem de um conjunto de fatores para se ajustar a essa modalidade.

Inicialmente, o empreendimento precisa ter um programa para oportunizar essa categoria de trabalho. Ou contar com planos para adicionar um planejamento piloto. Posteriormente, há uma divisão nas suas funções. Algumas atividades podem exigir a presença do funcionário no local alguns dias da semana.

Usando ferramentas digitais para melhorar o trabalho em casa
Usando ferramentas digitais para melhorar o trabalho em casa

Isso acontece porque algumas ferramentas podem não ser retiradas da companhia de forma alguma. Outra questão é que o colaborador também depende da interação com algumas outras pessoas dentro e fora de sua companhia. Ou seja, essa é uma questão diária.

E, ainda há a norma dos três perfis: local de trabalho, família e profissional necessitam contar com particularidades adequadas para que o trabalho em caso seja realizado de modo produtivo. Um funcionário movido que colocou seu escritório na sala de casa e não tem apoio familiar terá problemas para trabalhar a distância.

Dinheiro x quantidade de trabalho em casa

Quando você digita trabalho em casa nos buscadores, há muitas propostas de serviço sem sair de casa. São oportunidades de ter uma renda extra onde o profissional tem a chance de obter valores atrativos trabalhando algumas horas por dia. Na prática, a situação é bem diferente.

Na verdade, há duas formas de trabalho em casa: como empreendedor ou empregado de um negócio. Caso você pretende abrir uma empresa ou ser um microempreendedor individual (MEI), prepare-se para um tempo de muita dedicação.

Qualquer pessoa que já trabalhou por conta própria, sabe bem que o expediente não chega ao fim às 18h. E que nem sempre dá para emendar o feriadão para curtir com os amigos e familiares.

Se você atuar em casa para uma companhia, a possibilidade é grande que também passe a trabalhar mais. Isso acontece porque as horas que eram perdidas no deslocamento são transformadas em trabalho. Além disso, o trabalho remoto não possui intervalos para café ou interrupções pelos colegas.

Você tende a trabalhar de maneira muito mais contínua e prolongada. A vantagem em ambos os casos é controlar o seu tempo da maneira desejada. Ou seja, o trabalho em casa permite que você troque a noite pela tarde. Assim, você pode perder uma noite e folgar na manhã ou tarde seguinte.

Trabalho em casa e trabalho tradicional

Como citado anteriormente, quem adere ao trabalho em casa pode não ficar totalmente isolado. Isso porque você pode ser chamado para reuniões, apresentar relatórios e reuniões com clientes eventualmente. Nos dias de hoje, o teletrabalho ocorre entre dois a três dias por semana.

E até quem atua todo o dia no home office necessita aparecer em encontros presenciais em algum momento. Essa mesma mentalidade funciona para quem empreende de sua residência. Como assim? Você terá de se relacionar com clientes e parceiros de tempos em tempos.

Trabalho em casa não significa pijama e chinelo

Trabalhar no sistema de home office demanda tanto responsabilidade quanto bom senso. E isso também se refere a forma de se vestir durante o expediente. Qualquer pessoa que fica a vontade de mais com pijama, pantufa ou sem camisa pode repassar esse desleixo para o seu serviço.

Se o costume lhe deixa mais atento, a vestimenta tende a prejudicar a qualidade do seu serviço. E vai além! Essa questão pode se manifestar na hora de falar com um cliente no telefone, skype ou qualquer outra plataforma. Em situação extrema, essa “preguiça” pode conduzir até a depressão.

Isso não quer dizer que é preciso usar terno, gravata e sapato para o trabalho em casa. O ideal é utilizar uma vestimenta agradável, só que demonstre uma atitude de seriedade para si mesmo. Inclusive permitindo que o profissional possa atender uma reunião por vídeo de última hora.

Afinal, você pode ser chamado de última vez para participar de uma reunião pessoalmente ou ter de esclarecer alguns pontos. Muita gente ainda prefere conversar frente a frente antes de fechar um negócio. Por isso, mantenha a compostura e priorize o traje adequado e confortável.

Trabalho em casa não é moleza

O trabalho em casa desperta cobiça em muita gente que fantasia com uma rotina diferenciada. Há aqueles que acreditam piamente que vão dormir até o meio-dia, tomar cerveja no meio da tarde e passear no parque. E, eventualmente realizar alguma tarefa laboral.

Você até pode efetuar essas atividades de lazer durante o dia, mas inverta a ordem. Sempre que sobrar um tempinho você pode relaxar e aproveitar o horário flexível. Ou ainda trocar a tarde e/ou manhã pela noite. Afinal, você pode se sentir mais motivado e inspirado no período noturno, não é?

Crie um checklist para facilitar o seu dia e organizar suas tarefas
Crie um checklist para facilitar o seu dia e organizar suas tarefas

O fato é que para ter alta produtividade, o trabalho em casa exige enorme auto controle. Disciplina para driblar as distrações como a televisão, a geladeira e o sofá a poucos passos. Além da organização para estabelecer um horário e ambiente adequado para o seu trabalho.

Vale salientar que fazer tudo de casa pode proporcionar uma sensação de isolamentos, tumultos familiares e discussões. Como assim? É preciso que as pessoas a sua volta entendem a importância do que está fazendo e lhe concedem a devida privacidade.

Ao mesmo tempo em que você também encontra iniciativas para não se desanimar ao trabalhar por conta própria. Isso porque não terá contato direto com outras pessoas e o silêncio pode desanimar eventualmente.

Por isso, procure por programas de lazer ou estudo com envolvimento presencial e outras pessoas. Tudo para que você tenha bons momentos de interação ao vivo com outros indivíduos, visando dar boas risadas e conversar bastante.

Realização de meta de vida e adaptação bem feita

Mesmo com inúmeros empecilhos, aqueles que têm a capacidade de gerenciar o seu tempo e produzir com qualidade se ajustam perfeitamente bem ao trabalho em casa. A vida se torna ainda mais prazerosa e equilibrada quando se finaliza o período de adaptação.

Com o trabalho a distância se evitam as diversas horas e o enorme estresse gerado pelo trânsito. Você não precisará perder horas e horas no trajeto de casa para o trabalho e poderá render nesse horário. O tempo que você adquirir driblando o congestionamento pode ser usufruído de inúmeras maneiras.

Com a diminuição da tensão no caminho e a chance de tomar conta de sua alimentação, o salto na qualidade de vida é gigantesco. Além disso, o trabalho em casa eleva a motivação e diminui as paralisações por parte dos colegas e reuniões inúteis. Portanto, todo mundo sai ganhando nesse contexto.

Trabalho fora do escritório envolve coworkings e outros espaços
Trabalho fora do escritório envolve coworkings e outros espaços

A tecnologia evoluiu consideravelmente nos últimos anos e tem facilitado o contato, o controle e o rendimento do serviço remoto. No entanto, diversas questões acabam provocando dúvidas, estranheza e até polêmica. Em função disto, é indispensável acompanhar o desenvolver deste ramo.

Com a legislação trabalhista estabelecendo os conceitos básicos ao trabalho em casa, o mercado tende a crescer significativamente no Brasil. Por isso, o cenário nacional tem tudo para progredir e se aproximar da situação de países desenvolvidos, como a Inglaterra e Estados Unidos.

A boa notícia é que a maioria das dificuldades do home office possui soluções simples e acessíveis. Sendo assim, você também possui ferramentas para superar essas mazelas do dia a dia. Afinal, o trabalho é algo que deve ser executado, não um local para onde se vai.

O que a legislação trabalhista diz sobre o trabalho em casa?

A Reforma Trabalhista promoveu algumas mudanças na forma de execução do trabalho em casa para quem tem carteira assinada. De acordo com a nova regra, a alteração do serviço presencial para remoto precisa ser realizada com um acordo entre ambas as partes. E tudo deve constar em contrato.

Transição do serviço presencial para home office

Para que o funcionário deixe de efetuar as suas atividades na empresa e faça o trabalho em casa, é preciso um período de adaptação. Conforme a nova lei, esse prazo de transição necessita ter, ao menos, 15 dias de duração com registro contratual.

Além disso, todas as modificações precisam ser feitas oficialmente em contrato e todas as despesas ficam sob responsabilidade do empregador. Ou seja, o chefe deverá reembolsar os custos do empregado para concretização de seus deveres. Por exemplo, pagamento de conta de energia, telefone e internet.

Reunião presencial para agilizar o processo do trabalho de home office
Reunião presencial para agilizar o processo do trabalho de home office

É importante salientar que a legislação ainda estabelece que o empregador tem compromisso com o bem estar do funcionário. Por isso, ele tem a obrigação de repassar orientações sobre saúde, ergonomia e segurança do trabalho mesmo fora da empresa.

Controle do trabalho em casa

De acordo com os especialistas, a legislação estabelece que o controle da jornada ocorre por tarefa concluída. Essa também é uma questão que precisa ser incluída no contrato entre empregador e empregador. Porque a nova norma mudou o artigo 62 da Consolidação das Leis de Trabalho (CLT).

Isso significa que a tradicional jornada de 8 horas por dia e 44 horas por semana não envolve a categoria a distância. Em função do caráter do trabalho em casa, o funcionário pode ser dispensado do controle de jornada. Só que as partes podem determinar essa condição de controle por tarefa ou jornada.

Controle o seu dia a dia para não se perder no trabalho em casa
Controle o seu dia a dia para não se perder no trabalho em casa

Afinal, as ferramentas tecnológicas já permitem o monitoramento do trabalho remoto. É possível realizar esse acompanhamento com a marcação da hora de entrada, intervalos e encerramento do expediente. Ou ainda estabelecer um sistema com as tarefas do dia para serem concluídas pelo funcionário.

Trabalho em casa e as horas extras

Como a lei não estabelece uma vigilância direta no empregador, ele não tem direito ao recebimento das horas extra. Como assim? Inicialmente, esses colaboradores não estão incluídos na limitação de tempo trabalhado.

Como citado anteriormente, há liberdade para que empregador e empregado acordem uma jornada e formas de monitoramento. A partir daí, o pagamento das horas extras pode acontecer normalmente.

Além disso, a Justiça do Trabalho já deu indícios de concordar com o pagamento do trabalho além do expediente. Isso porque a tecnologia está ao lado do empregador para efetuar o monitoramento da produtividade do seu funcionário em qualquer lugar do Brasil e do mundo.

O contrato formalizado é uma das bases elementares para o trabalho em casa. As normas combinadas em um contrato tendem a nortear o serviço de um funcionário formalizado, bem como de um empreendedor. É uma maneira segura, legal e ética de proteger as partes envolvidas.

No fim das contas, o trabalho em casa aparece como uma alternativa para seguir ganhando dinheiro sem abrir mão de sua liberdade. Essa é a essência do Movimento Freesider, uma corrente atual que almeja o equilíbrio entre pessoa e profissional.

!!Dica EXTRA: Já te contei sobre o Caio Ferreira?

Ele conseguiu criar um método de você ter um e-commerce mesmo sem ter estoque em 2009. Hoje, além de vender centenas de milhares de reais na sua loja virtual, ele ainda ensina como outras pessoas podem fazer isso.

O Caio está com uma aula online gratuita que ensina "Como Criar Sua Loja Online do ZERO Sem Precisar Ter Estoque de Mercadorias". Espero que ele não tire do ar antes de você assistir.