2.6 (52%) 5 votes

Todos sabemos que estamos em um país onde as coisas podem ser um pouco mais difíceis, principalmente, em relação às questões financeiras e é sempre bom encontrar novas maneiras de ganhar um dinheiro extra.

As contas nem sempre fecham, o custo de vida é alto e os salários muitas vezes não condizem com a realidade. Infelizmente, essa é a realidade do Brasil. Além disso, também vivemos um momento de aumento do desemprego. Todos os fatores que contribuem para uma queda na qualidade de vida dos cidadãos.

Porém, as situações de dificuldade também oferecem oportunidades para quem sabe aproveita-las. Por isso, separei para você algumas dicas de como começar a ganhar dinheiro extra e  rápido, com os recursos que você já tem e, o melhor, sem sair de casa!

Pois é, existem muitas maneiras de ganhar dinheiro extra aproveitando melhor o seu tempo e as ferramentas que já estão à sua volta.

Mulher ganhando dinheiro extra trabalhando em casa
Mulher ganhando dinheiro extra trabalhando em casa

Porque ir atrás de um dinheiro extra?

Como foi falado no início do texto, muitos brasileiros estão enfrentando dificuldades financeiras. Além de sair do vermelho, o dinheiro extra também pode ter outras funções na sua vida.

Querer ganhar mais nem sempre é ganância. Muitas vezes, precisamos de um dinheiro extra para realizar um sonho, tirar projetos do papel ou melhorar as condições de vida, como, por exemplo, comprar/ alugar uma casa melhor, comprar um carro ou se livrar de uma dívida.

É verdade que dinheiro não traz felicidade. Mas também é fato que uma boa saúde financeira é capaz de gerar conforto, tranquilidade e confiança para realizar sonhos e conquistar novos objetivos. Afinal, quem não precisa se preocupar com dívidas e contas atrasadas tem liberdade para conquistar ainda mais.

Liberdade

Acredito que a principal característica de um trabalho para renda extra são as infinitas possibilidades que ele oferece. Isto é, trabalhar de casa permite que você tenha o controle sobre os processos, pode gerar bons retornos e ter flexibilidade de horário.

Um sonho, não é mesmo? Mas como todo sonho, esse também demanda muito esforço e dedicação para sair do papel. Para que o seu negócio dê certo, é necessário arregaçar as mangas e encarar os desafios. As oportunidades estão por aí esperando por você!

Começando do começo: o planejamento

Assim como em qualquer negócio, ganhar dinheiro extra também exige planejamento. É necessário pensar em cada detalhe, do produto/ serviço que será ofertado até os pontos de contato com os seus clientes. Por isso, vamos começar com um plano detalhado de como será toda essa operação e o que será necessário para tirar o seu negócio do papel.

O seu produto/ serviço

O 1º passo é definir com o que você quer trabalhar. Aqui vale qualquer coisa. Você tem alguma habilidade? Conhece fornecedores? Tem um parceiro que produz algum produto? Vale tudo mesmo! O importante é definir o que você terá a oferecer para os seus clientes.

Porém, é importante definir um produto/ serviço de acordo com a sua afinidade. Afinal, ninguém gosta de trabalhar com um produto/ serviço que não gosta ou não tem muitos conhecidos sobre, né? Por isso, afinidade é o ideal. E as ideias são muitas, separei algumas aqui para você:

  1. Trabalhe com revenda
  2. Monte uma loja virtual
  3. Procure sites e plataformas de trabalho
  4. Venda um talento seu (desenho, escrita, culinária…)
  5. Aprenda a fazer artesanato
  6. Comece a dar aulas

Esses são apenas alguns exemplos do que você pode fazer para ganhar dinheiro extra. Solte a criatividade e não se limite.

Defina o seu público

Tão importante quanto saber qual produto/ serviço será oferecido, é também saber para qual público-alvo você deve vender. No final das contas, de nada adiantará oferecer um produto ou serviço às pessoas erradas. Se elas não tiverem interesse, o seu negócio estará fadado ao fracasso.

Por isso, é tão importante saber quem são as pessoas que podem se interessar pelo seu produto/ serviço, onde elas estão, qual a classe social e como elas se comportam. Com essas informações, você terá uma boa noção de como e onde anunciar o seu negócio.

Para isso, vamos montar um mapa da empatia, a ferramenta que irá te ajudar a definir boa parte desses itens que são essenciais para começar a ganhar um dinheiro extra.

Mapa da empatia

Essa é uma ferramenta criada para traçar o perfil do seu cliente ideal. Ou seja, para criar o mapa da empatia é necessário dividir em categorias quais as dores e os sentimentos do seu cliente ideal. Esse conteúdo será dividido em quadrantes, que serão preenchidos de acordo com as questões abaixo:

  1. O que o seu cliente ideal pensa e sente?
  2. O que ele ouve?
  3. O que vê?
  4. O que ele fala e faz?
  5. Quais são as dores?
  6. Quais as necessidades?

Apesar de parecer simples, é uma ferramenta muito poderosa. Eu já expliquei o passo a passo para criar um mapa da empatia nesse texto. Acredito que esse é um passo fundamental no seu planejamento e, com certeza, também é essencial para o sucesso do seu novo negócio.

Homem dividindo suas tarefas de paternidade e trabalho extra em casa
Homem dividindo suas tarefas de paternidade e trabalho extra em casa

Colocando a mão na massa

Agora que estão definidas as questões básicas, chegou a hora de colocar a mão na massa para começar a ganhar dinheiro extra de verdade. Para isso, é necessário escolher a plataforma onde você vai ofertar o seu trabalho. Separei algumas dicas para que você eleja a que mais combina com a sua realidade. Seja para trabalhar como freelancer ou vender seus produtos, existem plataformas digitais que ajudam nesse processo. Vamos ver algumas delas aqui.

Plataformas para freelancers

Eu já expliquei com muitos detalhes sobre essas plataformas aqui. Mas, em resumo, essas plataformas fazem o encontro de quem precisa contratar um freelancer e os profissionais que estão disponíveis para fazer os trabalhos.

Além disso, essas plataformas dão segurança para ambas as partes no processo de pagamento pelo serviço. Algumas delas, inclusive, exigem que o cliente faça um pagamento antecipado e, depois de terminado o trabalho, esse valor é liberado para o profissional freelancer.

Existem diversas plataformas que oferecem esse tipo de serviço. Duas das que têm mais destaque são a Workana e 99freelas. Para quem busca oferecer seus trabalhos durante o tempo livre, essas são ótimas opções. Além de tudo isso, é possível ser avaliado pelos clientes, o que aumenta a sua qualificação para receber novos trabalhos e ganhar um dinheiro extra.

Plataformas de vendas

Montar um site de e-commerce nem sempre é fácil ou barato. Por isso, montar o seu próprio site para quem deseja iniciar nesse mercado digital. Mas existem plataformas que resolvem esse problema, oferecendo espaços para quem deseja vender produtos na internet.

Essa prática é chamada de market place: quando uma plataforma ou empresa oferece um espaço dentro do e-commerce para que outros vendedores também possam ofertas os seus produtos.

Essa estratégia é atrativa por diversificar o mix de produtos disponíveis para os clientes e a empresa que oferece o market place não tem preocupação com o envio, estoque ou emissão de notas fiscais dos produtos dos parceiros.

Além disso, existem outras plataformas específicas para a venda de produtos terceirizados. São como shoppings online. A empresa oferece um espaço digital para que diversas lojas disponibilizem os seus produtos.

Portanto, assim como no market place, esse “shopping online” não se preocupa com a logística de estoque e entrega dos produtos, apenas com as transações entre os clientes e as lojas. Esse é o modelo de negócio utilizado pelo mercado livre, por exemplo.

Elo7

O Elo7 é uma dessas plataformas que oferece espaço para que você possa criar a sua lojinha online. Com foco em pequenos produtores que buscam clientes para os seus produtos, o site oferece de tudo.

Cada produto é valorizado por ser único, como é dito no site da plataforma: “Um sapatinho de bebê, um topo de bolo e uma pulseira: o que estes produtos têm em comum? Aparentemente nada. Mas no Elo7 eles não são apenas produtos, pois são únicos, autorais.”

Por isso, é uma ótima opção para quem tem habilidades e deseja produzir o que vai vender.

Facebook Marketplace

Pra quem não deseja ir tão longe para ofertas os seus produtos, é possível fazer isso através da rede social mais famosa do Brasil com o Facebook Marketplace. Com a sua própria conta, é possível ofertar produtos pelo Facebook e a negociação é toda feita através do Messenger.

Com certeza, essa é uma ótima opção para quem quer vender produtos utilizando um canal de vendas já conhecido por todos. E o mais importante: em uma rede social que é acessada por milhões de pessoas todos os dias.

Mercado Livre

Como foi falado acima, o Mercado Livre é como um shopping online que oferece espaço para diversas lojas e vendedores independentes ofertarem seus produtos. Além disso, a empresa oferece facilidades de pagamento, anúncios e suporte para que os vendedores façam a gestão do negócio.

Segundo a própria empresa, só no Brasil existem mais de 111 mil pessoas que vivem de renda única ou principal proveniente do Mercado Livre. Essa é a prova de que é possível criar um negócio lucrativo que começa com uma opção de renda extra.

Google Shopping

É bem provável que o seu cliente procure faça pesquisas na internet antes de realizar a compra. Então, porque não oferecer o seu produto no momento da pesquisa? Essa é a proposta do Google Shopping. Porém, a plataforma em si não oferece nenhum produto.

O Google Shopping funciona como uma vitrine online, comparando preços de produtos nas lojas cadastradas. Ou seja, o cliente recebe diversas opções e escolhe a que mais combina com o perfil dele.

O diferencial desse serviço é a integração com as pesquisas do Google, já ofertando os produtos certos no momento em que o cliente está decidindo a compra e buscando mais informações. Inclusive, os produtos do Google Shopping aparecem antes mesmo dos resultados de uma busca, garantindo mais destaque para o que está sendo vendido.

A grande vantagem desse serviço para quem deseja montar uma loja online é que o fluxo de clientes gerado por ele é de boa qualidade. Isto é: os clientes que são redirecionados para a sua loja online são aqueles que já estavam buscando pelos produtos e, portanto, têm mais interesse na compra.

Homem comemorando a conquista da liberdade financeira
Homem comemorando a conquista da liberdade financeira

Comece agora e conquiste sua liberdade

Como falei, trabalhar para ganhar um dinheiro extra nem sempre é ganância ou soberba. O trabalho deve ser a fonte das nossas realizações e pode ser o motor da sua liberdade. Afinal, trabalhando com o que você gosta de maneira lucrativa permite que você tenha uma vida cada vez melhor, mais próxima de tudo que você sempre sonhou.

Por isso, não deixe para depois a conquista da sua liberdade. Comece agora a fazer o que você gosta utilizando as ferramentas que estão disponíveis para você. Aproveite também para baixar o 1º capítulo do nosso e-book Jornada da Liberdade. Muito sucesso nessa caminhada! Só você é capaz de mudar a sua vida e tirar os seus sonhos do papel.