Você acorda motivado nas primeiras horas da manhã ou é aquele tipo que já começa a se deprimir na noite de domingo?

Apesar da crise financeira, é essencial que você ainda tenha um serviço. Mas, também que você não sofra com a insatisfação no ambiente de trabalho diariamente.

Confira 9 dicas para superar insatisfação no ambiente de trabalho

Mas, se esta for a sua situação, saiba que você não está sozinho! De acordo com uma pesquisa da International Stress Management Association (Isma Brasil) realizada com mais de mil pessoas empregadas em Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo, cerca de 70% dos trabalhadores está frustrado.

O estudo ainda mostrou os principais motivos: 89% relatou a falta de reconhecimento, 78% responsabilizou o exagero de tarefas e 63% admitiu que a insatisfação no ambiente de trabalho é provocada por péssimas relações com colegas ou superiores. Mas, o que você pode fazer para superar isso?

5 dicas para não sofrer com a insatisfação no ambiente de trabalho

Sentir a insatisfação no ambiente de trabalho pode resultar em decepção e até mesmo falta de produtividade, afetando diretamente a sua rotina profissional. Para que isso não comprometa o seu futuro, existem alguns truques para achar motivação em qualquer serviço. Vem ver!

1 – Entenda a razão da sua frustração

O primeiro passo para acabar com a insatisfação no ambiente de trabalho é entender a sua origem.

Você precisa descobrir o quanto antes a razão da sua insatisfação

Deste modo, você precisa efetuar uma avaliação sobre o que pode estar causando a sua falta de vontade, a fim de encontrar uma solução para isso.

2 – Redescubra a sua motivação

Logo depois de entender porque você com a sensação de insatisfação no ambiente de trabalho, o ideal é redescobrir o que lhe motiva a acordar todas as manhãs. Efetuar tarefas estimulantes pode fazer com que você se torne muito mais motivado, animado e volte a estar a vontade na empresa.

3 – Aproveite os intervalos

Para que você consiga ter uma avaliação muito mais vasta a respeito dos afazeres que deve executar, separe muito bem o seu tempo. Confira que modelo de horário funciona melhor para a sua rotina e pare de ficar adiando cada vez mais os seus compromissos.

Quando alguém começa a deixar as coisas para outro dia é um sinal claro de insatisfação no ambiente de trabalho. Por isso, é essencial que você realize alguns intervalos para que a sua mente possa relaxar e não derrubar o seu rendimento após algumas horas.

4 – Tenha um dia inteiramente livre

É indicado que você não trabalhe todos os dias, especialmente, quando não está passando por nenhum período de correria ou sobrecarga.

É essencial que você tenha um dia de folga por semana para recuperar as energias

Tirar um dia por semana para aproveitar seu tempo sem qualquer responsabilidade é fundamental para que se consiga estar equilibrado e rendendo bem nos dias de trabalho.

5 – Liste as suas façanhas diárias

Uma forma muito bacana de afastar a insatisfação no ambiente de trabalho é elaborar uma lista com tudo o que você conseguiu fazer ao longo do seu dia. Deste modo, você vai conseguir perceber todos os intuitos que já foram obtidos e manter a vontade de dar continuidade com esse sistema de trabalho.

Agora, antes que você siga para o próximo tópico, deixa a gente mostrar algumas dicas para que você possa melhorar o seu desempenho no local de trabalho, dá uma olhada:

1 – Conheça a técnica Pomodoro e turbine sua produtividade
2 – 10 passos simples para aumentar sua produtividade
3 – 10 livros sobre produtividade que você precisa ler

6 – Aproxime-se de seus colegas

Não existe nenhuma medida dentro da Consolidação das Leis de Trabalho (CLT) que exige que você deva ser o melhor amigo de seus colegas de serviço. No entanto, o convívio em sociedade recomenda o mínimo de educação, colaboração e respeito.

Então, por que não dar o primeiro passo e tentar se aproximar mais dos seus companheiros diários? Aquela primeira impressão ruim pode ser facilmente deixada para trás ao conversar civilizadamente, sendo que estar pronto para ajudar seu colega é sinal de um profissional comprometido e ativo.

7 – Melhore os seus afazeres

Será que esta insatisfação no ambiente de trabalho não se refere a falta de reconhecimento e promoção, sendo que essas mudanças na sua carreira não aconteceram por falta de empenho ou criatividade nas suas funções? Procure se doar um pouco mais para avaliar se algo muda a sua volta.

Preste atenção ao seu rendimento no trabalho e procure melhorar as suas funções

Às vezes, você pode se sentir muito mais motivado quando se dedica inteiramente a uma tarefa, revisando, utilizando novas técnicas, fazendo retoques e até mesmo auxiliando os seus colegas sempre que solicitado. Esta pode ser a mudança que seus superiores estavam esperando.

8 – Volte a se atualizar

A sala de aula é um local que costuma apresentar novos ares, mecanismos, ferramentas e contatos para qualquer profissional. Por isso, a sua insatisfação no local de trabalho pode ser driblada ao buscar por um curso de especialização, nova graduação, workshop, seminário, palestra ou até mesmo a realização de cursos online. O ideal é nunca se acomodar e parar no tempo.

9 – Avalie o lado positivo

De qualquer forma, você conta com um emprego, que pode não ser o dos seus sonhos no momento, mas pode dar condições para que se sustente neste período de adversidade econômica. Será que não vale a pena se esforçar para superar a insatisfação no ambiente de trabalho por mais algum tempo?

Procure valorizar o lado positivo do seu emprego para se livrar da insatisfação no trabalho

Segundo os estudos mais recentes, já passam de 13 milhões de brasileiros desempregados em todo o país. Atualmente, uma pessoa está levando 12 meses para retornar ao mercado de trabalho, independente do setor. Essas estatísticas mostram que a carteira assinada se tornou uma peça de sucesso.

Por isso, você pode tentar superar essa fase de desencanto com a sua carreira, empresa ou colegas. Caso nada resolva, você pode muito bem se planejar a médio e longo prazo para buscar por novas oportunidades ou mesmo abrir um negócio para chamar de seu.