3.6 (72%) 5 votes

Propósito motivação qual a diferença? O sucesso e a concretização de planos estão sempre associados a motivação. E o que está por traz do agente motivador é o propósito.

Ao falar sobre propósito motivação qual a diferença, é fundamental entender que um depende do outro. E o ponto chave é que o propósito é o que sustenta toda sua trajetória. Nos momentos de êxito e nas complexidades.

Propósito e motivação qual a diferença?
Propósito e motivação qual a diferença?

Já a motivação é construída a partir do desejo de alcançar o propósito definido. Se você tem um grande propósito a ser atingido você se manterá motivado por muito tempo. Ao contrário, se você tem pequenas metas, a cada conquista é preciso um outro motivador.

Neste sentido entendemos então, que a motivação pessoal acontece naturalmente, sem esforço, desde que haja um propósito.

Propósito este que, deve ser fidedigno ao que você realmente almeja. Só assim, a equação ente propósito e motivação trará resultados positivos.

Afinal, o propósito é uma das principais motivações. Já que quando se tem um propósito a motivação pessoal não precisa ser externa, como mensagem de motivação no trabalho, por exemplo. Ao contrário, a motivação será proveniente da ânsia de alcançar o que é estimado.

Propósito motivação qual a diferença

Para entender propósito motivação qual a diferença, vamos definir o que é de fato a motivação e o propósito. Assimilar como os dois se complementam, e por fim, como ter um propósito.

Motivação

A motivação é o entusiasmo, a energia é o impulso para agir. Quando você diz que está motivado, isso significa simplesmente que você está com muito animo para fazer o que quer que seja.

As motivações são divididas em dois grandes grupos. Motivação de recompensa ou motivação para a fuga da dor.

Por isso, tudo o que nos causa euforia e energia para que seja feito, o objetivo final é prazer ou evitar a dor.

Sendo assim, a motivação é classificada, como motivação positiva e motivação negativa. A primeira se refere a busca pela alegria, enquanto a segunda está relacionada ao processo de evitar o sofrimento.

As motivações positivas e negativas também ajudam a entender o propósito motivação qual a diferença entre eles.

A motivação pode vir de uma variedade de fontes e de maneiras positivas e negativas. A motivação positiva é o tipo de motivação que uma pessoa sente quando espera recompensa e a motivação negativa é o tipo de sentimento que uma pessoa sente quando espera uma punição.

Tanto a motivação positiva quanto a negativa têm aspecto interno e externo

Motivação pessoal positiva

A motivação pessoal positiva é o tipo de motivação que você usa quando realiza uma atividade para ganhar uma recompensa que normalmente fica no futuro.

Este futuro pode ser imediato ou distante. No entanto, a expectativa de uma recompensa é o que impulsiona você. Visualizar o seu futuro ideal no qual você recebeu sua recompensa é uma ótima maneira de se motivar positivamente.

Focando na motivação pessoal
Focando na motivação pessoal

Ao usar a motivação pessoal positiva, principalmente na busca por recompensas a longo prazo, suas decisões e habilidades têm muita importância. Afinal de contas, você se manterá motivado internamente.

Quando se trata de metas de longo prazo, pode ser difícil manter a motivação quando as recompensas estão tão distantes.

É por isso que é importante quebrar seus objetivos de longo prazo em ações de curto prazo, ou seja, coisas que são facilmente alcançáveis ​​e que lhe darão um senso de realização mais imediato.

No entanto, se você achar que suas atividades atuais não estão levando você a lugar algum, você rapidamente se tornará desmotivado. Quando isso acontece, é preciso buscar outro agente motivador.

Com tudo, esta fonte de motivação deve resultar em uma recompensa nas suas próprias atividades, no seu cotidiano.

Motivação pessoal negativa

A motivação negativa, no entanto, é o tipo de motivação que você usa quando realiza uma atividade para evitar a dor que pode resultar de não o fazer.

Uma pessoa que não gosta do trabalho, mas se esforça para continuar produzindo para não perder o emprego, está sendo motivado negativamente. Ou seja, se submete a uma situação não tão agradável para evitar uma ainda pior.

"Exemplo

Enquanto a motivação positiva está esperando uma recompensa, a motivação negativa é evitar a dor ou a punição.

Dentre propósito motivação qual a diferença, um fator importante a ser considerado enquanto se motiva negativamente é sua capacidade de tolerar a dor.

Isso significa que, se você tem alta tolerância à dor você pode, então, suportar muita dor, antes mesmo de realmente entrar em ação. Neste caso, a motivação negativa não será uma boa ferramenta para você.

Outro ponto importante característico da motivação negativa é que ela só traz bons resultados motivacionais se você tem uma solução.

Ou seja, se você não tem um recurso instantâneo para evitar uma dor futura, a motivação negativa pode causar desamparo e até mesmo depressão. Afinal, a motivação negativa, significa fugir da dor, e para isso você precisa saber o que deve ser feito.

A motivação pessoal negativa proporcionará bons resultados motivacionais se, antes de mais nada, houver um caminho a ser seguido para evitar esta dor futura.

E a dinâmica de definir um atalho para se esquivar de um sofrimento maior, também é uma maneira de motivar, para sair desta situação. Ir em busca de uma saída é melhor do que ficar paralisado.

O que é propósito

Agora que a motivação já foi definida é o momento de entender sobre o propósito para então dominar propósito motivação qual a diferença.

Seu propósito de vida consiste nos objetivos centrais de motivação de sua vida. Ou seja, são as razões pelas quais você se levanta de manhã.

"Se

O propósito pode guiar as decisões da vida, influenciar o comportamento, moldar objetivos, oferecer um senso de direção e principalmente criar significado para o que você faz.

Para algumas pessoas, ele está ligado à vocação, trabalho significativo e satisfatório. Para outros, no entanto, ele está em suas responsabilidades para com sua família ou amigos.

Outros ainda, buscam sentido através da espiritualidade ou crenças religiosas. Algumas pessoas podem encontrá-lo claramente expresso em todos esses aspectos da vida.

Daniel Pink, autor e pensador, escreveu em seu livro, Uma nova mente, que “a principal preocupação do homem não é ganhar prazer ou evitar a dor, mas ver um significado em sua vida”.

E ainda neste sentido, algumas pesquisas mostram que viver com propósito garante uma série de benefícios. Por isso, compreender que propósito motivação qual a diferença, pode sim, transformar seu estilo de vida.

Viver de propósito parece autêntico e de fato, o propósito oferece benefícios emocionais e psicológicos definidos.

Um estudo de 2009 com mais de 73.000 homens e mulheres japoneses descobriu que aqueles que tinham uma forte conexão com seu senso de propósito (que eles chamam de Ikigai) tendiam a viver mais e melhor do que aqueles que não o faziam.

Não existe uma tradução direta para o termo. O mais próximo que se pode chegar é que “Ikigai é a sua razão de viver”. De acordo com neurocientista japonês “é o motivo que faz você acordar todos os dias.”

Propósito e motivação

Por trás de cada ação, há um motivo. Tudo o que fazemos é o resultado de alguma motivação. E por trás de cada motivo há uma necessidade.

Necessidades são os gatilhos essenciais da motivação. Quer seja uma necessidade fisiológica, como a necessidade de ter comida ou uma necessidade social, como a necessidade de ser aceito.

Neste caso, é uma necessidade que induz a motivação em nós e impulsiona a maior parte do nosso comportamento.

O fato é que, você não pode ter motivação sem necessidade e não pode ter ação sem motivação. Isso quer dizer que, a necessidade te motiva e te impulsiona a realizar uma ação.

A necessidade, por isso, pode ser muito especifica e grandiosa. Assim chegamos ao propósito. Propósito motivação qual a diferença entre eles?

O propósito é uma necessidade que você precisa para viver melhor. Naturalmente você será motivado a realizar atividades que farão com que você atinja seu propósito.

Todos nós temos necessidades, sem dúvida. Mas nós não temos o mesmo nível de motivação para satisfazer essas necessidades.

Aqueles que têm alguma motivação podem não estar motivados o suficiente para realizar ações para satisfazer suas necessidades. Essas pessoas que geralmente buscam motivação.

Pois, estão tentando aumentar seu nível de motivação para atingir um patamar onde eles são forçados a agir.

No entanto, esta busca por motivação só faz sentido quando há um propósito. A motivação pessoal por si só, não fará diferença na sua vida como um todo. Mas a busca pelo alcance de um propósito de vida, proporcionará a ação.

Como ter um propósito

Já sabemos propósito motivação qual a diferença, e que um depende do outro. Mas como ter um propósito?

1 – Entre em ação

Você não pode pensar em esperar seu propósito de vida e que um dia você o encontrará. Você tem que fazer o seu caminho para isso.

Quanto mais agimos, mais esclarecemos as coisas. Isso porque quando você entra em ação, você consegue identificar o que é bom e ruim, o que é proveitoso e o que é desgosto.

"Testando

Por isso, ao invés de pensar se isso funcionará. Se eu deveria tentar isso. Mas e se eu não gostar? E se eu não ganhar dinheiro com isso? Comece a dar passos em direção aos seus objetivos e comece a tentar coisas novas.

Estas decisões ajudarão você a sair do seu próprio caminho, e a encontrar seu propósito. Se você tem vontade de realizar algo, faça.

Afinal a experiência é a recompensa. E a clareza vem através do processo de explorar. A ação é onde você obtém resultados.

2 – Dê uma chance para a emoção

Seu coração é sua melhor ferramenta para acessar sua verdadeira paixão. Pergunte a si mesmo o que você ama? E comece a tomar medidas para fazer o que você ama.

Quando você está inspirado e conectado ao seu eu feliz, a inspiração inunda seu coração e alma. Quando você leva de seu coração, você é naturalmente mais alegre e motivado para explorar. Ao fazer o que você ama, você será inspirado e obterá insights sobre o que lhe traz mais alegria.

3 – Rompa com o único

Quando falamos de propósito motivação qual a diferença, levamos em consideração que é preciso encontrar aquela única coisa que nos faz feliz.

Mas é justamente tentar encontrar apenas uma coisa que é a razão pela qual sentimos que algo está faltando.

A noção de que temos apenas uma coisa pela qual somos destinados nos limita de cumprir nossa grandeza. Entrar em contato com suas paixões é enxergar possibilidades de fazer o que te motiva em várias situações, em mais de um cargo.

Isso sim, é viver com propósito. Deixe de pensar que existe apenas um propósito para você e aceite a ideia de que o seu objetivo na vida é fazer o que te faz bem. E para viver assim, você pode ter vários motivos.

A necessidade de buscar nosso propósito vem da falta de paixão. Quando você não se sente conectado à sua vida, você não tem nenhum dos dois.

Considere que o verdadeiro propósito da vida de alguém é estar totalmente envolvido na vida. Tente estar presente para a jornada e abraçar completamente. Logo você se sentirá tão determinado e realizado que se perguntará como viveu a vida sem ela.

A conclusão propósito motivação qual a diferença

Muitas vezes associamos entusiasmo e inspiração a um forte senso de motivação. Mas quando esses sentimentos saem, ficamos ansiosos e em busca de encontrá-los novamente.

Vivemos em busca de um estímulo externo que nos force a agir, mas o ideal é que este estímulo seja interno. Por isso, temos um propósito.

A motivação nos ajuda a direcionar para um objetivo específico. O propósito, por outro lado, é universal. É uma base sólida. Ele nos ensina que um momento, um fracasso, nunca pode definir nosso ser.

Enquanto a motivação é localizada, e nos leva a agir, o propósito é um estilo de vida.

Para se inspirar ainda mais, conheça o Livro Jornada da Liberdade, a história de Fagner Borges ao encontro de experienciar uma vida de propósito.